Raízes Aéreas

Of Monsters and Men

In Música pelo mundo, Pitacos da Soraya Pamplona on 8 de outubro de 2014 at 0:00

O Of Monsters and Men foi formado na Islândia em 2010, originário do Songbird, um projeto solo da vocalista Nanna Bryndís Hilmarsdóttir. Nanna recrutou Ragnar “Raggi” Þórhallsson (voz e violão), Brynjar Leifsson (guitarra) e Arnar Rósenkranz Hilmarsson (bateria) para a banda, e escolheram o nome Of Monsters and Men, por sugestão de Raggi. Logo depois, Kristján Páll Kristjánsson (baixo) e Árni Guðjónsson (teclado) foram adicionados à formação e a banda então começou a compor músicas e gravar suas primeiras demos. O grupo começou a ganhar reconhecimento após vencer a competição anual de bandas Músíktilraunir, que ocorre em Reykjavík, Islândia.

Em fevereiro de 2011, assinaram um contrato de gravação com a Record Records e começaram a gravação de seu primeiro álbum. O álbum de estreia do Of Monsters and Men, My Head Is an Animal, foi lançado em setembro de 2011 na Islândia. O single “Little Talks” foi um sucesso nacional, e abriu as portas para uma carreira internacional. Assim, o grupo assinou com a Universal Records e então My Head Is an Animal foi lançado mundialmente em abril de 2012.

O álbum foi suporte para uma longa turnê mundial que durou 18 meses. No meio da turnê, em outubro de 2012, o pianista Árni resolveu deixar a banda, para voltar à faculdade. Durante a turnê, o Of Monsters and Men tocou em vários países, incluindo o Brasil, como parte do Lollapalooza Brasil 2013 além de performances em outros dos maiores festivais do mundo. A turnê foi finalizada em setembro de 2013, e foi seguida por uma pequena pausa nas atividades da banda.

Em novembro de 2013, a banda lançou a canção “Silhouettes”, como parte da trilha sonora de Hunger Games: Catching Fire. Em dezembro do mesmo ano, a lançaram o seu primeiro álbum ao vivo, o EP Live from Vatnagarðar, gravado em um estúdio da Islândia exclusivamente para o iTunes.

Em fevereiro de 2014 o pequeno hiato da banda chegou ao fim e o Of Monsters and Men começou a compor seu novo disco, que segundo a vocalista Nanna deve ser lançado entre o final do ano e o primeiro semestre de 2015.

Discografia

My Head Is an Animal (2011 na Islândia, 2012 mundialmente)
Into the Woods (EP) (2011)
Live from Vatnagarðar (2013)

Membros atuais

Nanna Bryndís Hilmarsdóttir – vocal e violão (2010-presente)
Ragnar “Raggi” Þórhallsson – vocal e violão (2010-presente)
Brynjar Leifsson – guitarra (2010-presente)
Arnar Rósenkranz Hilmarsson – bateria (2010-presente)
Kristján Páll Kristjánsson baixo (2010-presente)

Membros de apoio

Ragnhildur Gunnarsdóttir – trompete e teclados (2012-presente)
Steingrimur Karl Teague – piano e acordeão (2012-presente)

Fonte biográfica: Wikipédia.

Fotos

__________

Vídeos

__________

Little Talks
Dirty Paws
Mountain Sound
King and Lionheart
Love Love Love
From Finner
Six Weeks
Slow and Steady
Yellow Light
Sloom

Topo

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: